Dia internacional da Mulher: pouco tempo!

 

Por Williana Lascaleia

 

Em um mundo onde todos os dias a cada x minutos mulheres são agredidas e muitas mortas é inacreditável que tenhamos um único dia de felicidade. Muitas destas mulheres nem devem saber o porquê da existência deste dia, já que será mais um dia de agressão.

 

Física ou psicológica, mas ainda assim de agressão!

 

É muito pouco um único dia dedicado às mulheres, pois são estas que lutam diariamente para que o mundo seja mais leve, mais gentil, mais limpo, mais família, mais filhos, menos machista, menos dolorido e mais cor de rosa.

 

Um único dia não basta para que se discuta seus direitos de ser dona de seu próprio corpo, seu direito de querer ir e vir, de ser ou não ser, de fazer ou de não fazer… pouco tempo para se discutir um mundo tão machista, com tantas mulheres com pensamentos machistas e que ao mesmo tempo querem um mundo só delas.

 

Para se mudar este único dia nós mulheres precisamos seguir em frente com suas lutas, deixar suas angustias e medos de lado e seguir em frente. Ocupar cargos de destaque, estudar, trabalhar e formar filhos menos machistas, mais humanos e responsáveis, além de mostrar que azul e rosa não existiria sem as outras cores.

 

Desejo um especial feliz dia da mulher à minha mãe e irmãs, além das colegas jornalistas que diariamente lutam por um mundo mais rosa onde é tudo tão azul e as leitoras deste site.

 

 

 

Comentários

comentários

This entry was posted in Colunas, Williana Lascaleia. Bookmark the permalink.